Mensagem do Presidente

Em 2017, a economia brasileira começou a dar sinais de recuperação e, naturalmente, o setor de Papel e Celulose acompanhou com melhora de resultados, especialmente a partir do segundo semestre. A demanda se fortaleceu e o custo das aparas, que teve forte impacto negativo no resultado das empresas em 2016, apresentou um comportamento melhor, ainda que levemente acima do nível médio histórico. Com isso e também pelas várias iniciativas tomadas pela empresa, principalmente na redução de custos, ganhos de produtividade e aprimoramento do sistema de gestão, os resultados da Irani vêm evoluindo de forma contínua e consistente. Estamos bastante otimistas.

2017 foi também um ano de mudanças internas relevantes. A partir de julho, assumi como diretor-presidente sucedendo ao Péricles Pereira Druck que agora preside o Conselho de Administração, num movimento natural e planejado de sucessão. O Péricles deixa como legado uma empresa sustentável, competitiva, com alto nível de profissionalização e preparada para um novo ciclo de crescimento e prosperidade. Adicionalmente, redesenhamos a diretoria executiva da empresa, agora composta por cinco diretores, todos oriundos do quadro de colaboradores da Irani.

Ocupamo-nos, ainda, da revisão estratégica para os próximos 10 anos – Ciclo 2018-2027. Adequamos nossa intenção estratégica – missão, visão e valores – aos novos desafios. Reafirmamos nossa convicção na missão de “construir relações de valor” com todas as partes interessadas como fundamento de toda a estratégia. Relações prósperas, baseadas na confiança e que consideram os interesses que tocam a todos. Acreditamos profundamente no processo de construção de valor ao longo do tempo, gerado através de relações significativas com clientes, fornecedores, colaboradores, investidores, governos, concorrentes e comunidades.

Definimos como prioridade para o novo ciclo buscar retorno financeiro acima do custo de capital gerando valor aos nossos acionistas. Buscaremos, também, assegurar a excelência, fortalecendo a cultura do aprendizado, da inovação e da melhoria contínua. Promoveremos um ambiente de trabalho estimulante ao desenvolvimento de equipes de alta performance. Fortaleceremos nosso posicionamento mercadológico como empresa de excelência, com produtos e serviços de alta qualidade e ofertas de valor no foco Do cliente. E fomentaremos a economia circular na cadeia de valor, assegurando a destinação adequada de todos os resíduos industriais.

Temos publicado relatórios de sustentabilidade há 12 anos. Consideramos a prática fundamental para acompanharmos de forma sistemática, com metodologia reconhecida, a evolução do desempenho da empresa nas dimensões financeira, social e ambiental. Ao prestarmos contas e assumirmos publicamente compromissos de evolução nos inúmeros indicadores que são acompanhados, promovemos um ambiente de engajamento, comprometimento e de melhoria contínua e sustentada.

Outro destaque são nossas certificações. Nossa base florestal de 41.653 hectares de terras (67% em Santa Catarina e 33% no Rio Grande do Sul) tem o manejo certificado pelo Forest Stewardship Council® (FSC) (C020437). Assim, nossas operações florestais são geridas de acordo com as melhores práticas e garantimos a preservação da biodiversidade. A Irani é a primeira empresa do setor de resina a ter o manejo florestal e a cadeia de custódia para processamento da resina certificados pelo FSC (C120229/C116791), além das certificações ISO 9001 e a ISO 14064. Nas embalagens, temos as normas ISO 9001 e 14001 e a certificação FSC (C009947). Valorizamos cada certificação como uma oportunidade para agregarmos valor, aprimorando nosso sistema de gestão e alinhando-nos às melhores práticas.

Em 2017, obtivemos vários prêmios e reconhecimentos que não só nos deixaram muito orgulhosos, mas principalmente confirmaram o acerto de nossa atuação em várias áreas. Vale destacar o Troféu Diamante no Prêmio Catarinense da Excelência, que premia as empresas que se destacam pela robustez do sistema de gestão. Fomos também reconhecidos como uma das melhores empresas para trabalhar no Rio Grande do Sul e Santa Catarina pelo Great Place to Work. Na área de inovação obtivemos o Prêmio Inovação do PGQP, na categoria “Rumo à Inovação”. E recebemos os reconhecidos prêmios Eco Brasil Sustentabilidade com o case de reciclagem do plástico e Fritz Müller pela reutilização do resíduo de carvão, ambos processos inovadores que fortalecem a economia circular na cadeia de valor.

Somos signatários do Pacto Global e a nossa estratégia, recém revisada, está alinhada aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas. Desde 2007, somos signatários do Pacto Empresarial pela Integridade e contra a Corrupção. Em alinhamento com este propósito e atentos ao cenário político do país, lançamos, em 2017, nosso Programa de Integridade, um documento que registra nossas políticas e diretrizes para o relacionamento com os mais diversos públicos.

A recuperação econômica iniciada em 2017 e as importantes mudanças políticas que ocorrerão no Brasil este ano nos mantêm muito otimistas. O tema do relatório deste ano “Abraçando o Futuro” revela de forma inequívoca o entusiasmo e o protagonismo que desejamos ter nos próximos anos.

Boa leitura a todos!